quarta-feira, 7 de janeiro de 2015

Mantra do Dia

Olá, Tudo bom? 

Me considero uma pessoa delicada igual coice de mula. As vezes na maioria das vezes quando estou puta da vida com alguma coisa, eu não fico medindo palavras e falo o que vem na cabeça, sem filtro sabe?! E acabo chateando e até mesmo magoando as pessoas.
Sei o quanto isso é chato e ruim pra quem escuta e fica prior pra mim que me sinto super mal depois. Tenho plena consciência de que tenho que exercitar muito esse meu lado explosivo de ser. Não faz bem pra mim e muito menos para os outros. Sei que não vale a pena se estressar, discutir com os outros, mesmo quando estamos com razão em determinado assunto. Discutir não vale a pena, só cria rugas! rs

Mas o que eu quero dizer com tudo isso é que hoje eu decidi exercitar meu lado mais calmo - rs*
Aconteceu uma situação comigo hoje, que na hora deu vontade de responder uma coisa bem feia pra pessoa, mas preferi me calar e fazer igual ao homenzinho da foto acima e mentalizar e repetir pra mim mesmo o mantra trocentas vezes. E não é que funcionou? #pontopramim

Para que vocês entendam a situação versão resumida foi a seguinte: almocei no restaurante A e sentei (junto com outras pessoas) na mesa de restaurante B - a dona do estabelecimento B ficou de butuca na mesa e notou que eu e mais uma colega de trabalho estava lá mais sem consumir a comida dela. Peguei o guardanapo que estava na mesa junto aos talheres do restaurante B e a dona na mesma hora peguntou se havia algum problema com os talheres - ela viu que eu não tinha comido lá ela fez uma mega grosseria falando que, já que eu havia comido no restaurante A eu deveria ter pego guardanapo de lá e não utilizado o dela. Na hora fiquei muito puta da vida e me subiu uma vontade de responder, mas preferi me calar pra não me estressar e não criar confusão. Não contente essa mesma pessoa ainda ficou o tempo todo olhando pra mesa de cara feia... foi me dando uma raiva...
Mal levantei da mesa ela já estava na frente falando para outras pessoas sentarem e continuou mem olhando de cara feia. Voltei para o restaurante A, paguei a conta e passei pela dona do restaurante B e ela toda trabalhada no cinismo, veio falar comigo e com a minha colega "Oi amadas! Bye". Passei por ela sem responder, mas a minha vontade foi de ter mandado ela enfiar o guardanapo.... Ahhhh... deixa pra lá!

Mas o que eu quero dizer com isso é o seguinte, as vezes estamos estressados, com problemas e acabamos descontando em pessoas que não tem nada a ver (ou haver?) com a situação. As vezes falamos num tom de voz que a outra pessoa interpreta errado, ou não conseguirmos nos expressar da forma correta. Só sei que se eu tivesse respondido a dona do restaurante de forma grosseira, a situação ia ser pior e com certeza eu ia sair a errada da história, eu ia acabar perdendo a minha razão e ainda ia ser tachada de barraqueira. Quem ganhou? Eu! Por fiquei na minha e com certeza foi melhor, pois não dei continuidade ao assunto e não teve mas estresse.
Esse é um exercício que eu quero sempre praticar. Ter mais paciência com as pessoas, aprender a ouvir mais, me expressar melhor... Eu sei que eu sou muito estressada e reclamo de mais... então pra esse ano uma das minhas metas pessoas e praticar diariamente esse exercício... ter mais calma, mais serenidade.

Meu mantra do dia e para todos os dias vai ser esse ai da foto! rs *
Estilo pinguins de Madagascar: Sorria e acene! Mas mentalmente você repete o mantra acima! rsrsrs*

Então, resumindo, umas das minhas metas pessoais para 2015:

 ü reclamar menos;
 ü ouvir mais;
 ü ser mais observadora;
 ü pensar antes de falar;
 ü ter mais paciência;

E vocês? Fizeram alguma meta pessoal estilo a minha?
Como vocês vocês conseguem se controlar em situações desse tipo! VOu adorar ouvir a história de vocês e vai servir de exercício pra mim, assim vou aprender muito mais com vocês!!!

Beijos cheio de carinho, 
A Mãe da Estela ♥

12 comentários:

Luly disse...

eu teria dito alguma coisa pra ela, nada de barraco,
com categoria, por isso nao posso te ajudar rsrs
eu tbm devo exercitar meu lado manso rs

Márcia Ruiz disse...

Olá! Rs, estou aqui imaginando a sua cara, rs, apenas o mantra na mente, rs...
Tem horas que ( muitas horas, kkk) não dá para segurar, mas hj em dia é preciso.
Eu sou calma, quem explode por aqui é minha filha mais velha e marido, rs, deixo com eles.
Então, bora fazer patch para desestressar, kkk.
Grande beijo

ღღღღ Cici ღღღღ disse...

Mas é cada uma, né?! As pessoas criam caso por tão pouco...
Vc fez certo. Discutir com pessoas assim é perda de tempo, pq elas se acham as donas da verdade sempre.
Eu já fui mais nervosinha tb, mas há uns 12 anos mudei totalmente. Já estava prestes a ganhar uma bela úlcera nervosa, isso sim. Minha saúde agradece e a minha paz de espírito tb.
Bjns e Feliz 2015...
:)

Bijou disse...

Eu já sou o contrário, sou calma até demais (demais mesmo) e isso também não é bom porque você acaba engolindo muitos sapos. Aqui em casa quem equilibra as coisas é meu marido que é súper explosivo, quase doido, rsrs. Ele tá aprendendo a ser mais tolerante comigo e eu tenho aprendido a ser menos passiva. Um dia a gente acha o meio-termo. :)

Beijos!
www.baudabijou.com.br

Nanda Gonçalves disse...

Amiga te entendo muito bem
e sei como é também venho exercitando minha
parte calma é complicado difícil mais venho tentando

Linda Noite
beijokas da Nanda

Mamãe de Duas
Google+Nanda

Alessandra Santos disse...

Olá!
hehehe...menina...eu sou mto nervosa...mas me calo sempre...e isso me faz um mal danado...mas prefiro...não aumentar as coisas, kkkk
Mas qdo chega no limite sai de baixo, kkkkk
Mas ando controlando, deixando as coisas de fora não me atormentar...mas não é fácil!!!!
E para esse ano eu coloquei com meta isso:
Fazer as coisas só se for me fazer bem!!!!
Pq sempre fico tentando ajeitar as coisas para tdos se sentirem, no fim nao agrado do mesmo jeito e não fiz do jeito que eu queria, então esse ano vou ser mais egoísta, primeiro eu!!!! hehehe

Um super bjo!

Alê - Bordados e Crochê
Fã Page

*Cellerj* disse...

Oi Gabs, td bem??
Você praticamente me descreveu... kkkkkk
Costumo dizer que: sou muito legal até a página 2... Pavio super curto (minha mãe diz que nem pavio eu tenho) ... kkkkkkkk
Mas percebi que esse meu temperamento fez com que pessoas de que gosto se afastassem de mim, então resolvi mudar por mim mesma. Ainda estou em processo de mudança, mas confesso que é muito difícil. Uso a tática de ficar com cara de nada, olhando pro nada e imaginando várias reações às situações. Na maioria das vezes, me acabo de rir sozinha, que nem uma maluca, da minha imaginação fértil e acabo deixando Let It Go... rsrs
Bjs

Adriana Balreira disse...

Vivo fazendo isso, tentando ser mais calma e paciente. E não falar grosseiramente com o povo. É que as vezes não dá!!! As vezes estou na TPM e minha calma vai para as cucuias..rsrs...
Beijos
Adriana

Raquel Condulo disse...

Gabriella, estou na mesma vibe que vc! Não quero perturbar minha paz de espírito com pessoas que não acrescentam. Mas tem coisas que tiram do sério mesmo, por exemplo, esses dias eu estava andando distraidamente na calçada quando um cara tira o carro dele de dentro de uma oficina com tudo e quase me atropela. E acredita que ele abaixou o vidro pra me xingar por eu estar distraída? Xinguei de volta, claro! Foi tão inacreditável que passei o resto do dia com uma sensação horrorosa. Agredir o outro, mesmo com palavras, não ajuda em nada!

Beijos e boa semana!

http://raquelcondulo.blogspot.com.br

Pepa disse...

Oi Gabriela, é a Vi, estava lendo um livro da Oprah, e ela ensina uma técnica, fechar os olhos e se imaginar em um lugar maravilhoso e relaxar até esquecer daquilo que nos chateia.
As vezes estou de TPM e perco o controle, e fico com raiva de mim quando isso acontece, eu acredito que ter domínio da nossa pessoa é a chave para vitorias.
Muitos beijos,Vi

Estela Vidal Ribeiro disse...

Olá! Devo te dizer que teve muito bom gosto ao escolher o nome de sua pequena 😉😉! Sou super estourada e vivo me colocando nesse tipo de situação. Brigo, fico indignada e só eu sofro com isso. Também estou com essa meta para 2015! No meu trabalho as pessoas já sabem e do querem arrumar confusão ficam comentando comigo e me incitando a reagir, quando vejo, já estou brigando até por problemas que nem são meus! Vergonha total do cai a ficha... Estou convencida de que preciso mudar e ver seu post me deu esperança, se vc conseguiu talvez eu também consiga. Beijo!

Chris Ferreira disse...

Oi Gabriella, eu, às vezes, também me irrito e saio do sério. Acontece que na maioria dessas vezes eu me arrependo de ter sido grosseira, sabe? Eu sei que às vezes não dá pra ser gentil e delicada, outros fatores me fazem sair do tão deseja e sonhado controle total. Mas vou seguindo e tendo como meta ser mais calma, pensar ante de falar e ser mais paciente.
Beijos
Chris
http://inventandocomamamae.blogspot.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...